quarta-feira, 31 de janeiro de 2018

[RESENHA] OS ESCOLHIDOS - LUÍSA MAMPRIN





"Os dois concordavam com isso...
O que pode ser tão ruim a ponto de fazer os dois reis, dos mais poderosos reinos terem tanto medo?"


SINOPSE

Em um mundo divido por 4 reinos elementares, 5 jovens de reinos diferentes devem se submeter a competição para determinar os próximos escolhidos para proteger Elim das trevas. Dentre eles, Lilá White, a princesa do Reino Água e nascida-escolhida, que competirá contra sua vontade, tendo como dupla, o corajoso e irônico, Arrow Blake, juntos realizarão missões que arriscarão suas vida e sanidade.Porém, no decorrer da competição, mistérios de seu passado que ela mesma desconhecia a assombrarão, mentiras sobre Elim, sobre seus governantes, até mesmo sobre si mesma virarão sua vida de cabeça para baixo.

Um amor avassalador, uma verdade cruel e as trevas de uma alma, mudaram a vida de Lilá para sempre.



RESENHA


Lilá White é a princesa do Reino das Águas e precisa participar da competição dos escolhidos por ser uma nascida-escolhida para defender o reino de Elim. Lilá sabe que não será fácil participar disso, que ser princesa e contar com a proteção da rainha, sua tia Marine, não lhe ajudará a passar por ela.

Sua dupla no torneio é o jovem Arrow Blake, ao lado dele e dos amigos que encontrará ao decorrer do torneio, a jovem princesa passará por difíceis provas, vários ensinamentos, conhecerá coisas sobre si mesma que nunca imaginou, segredos sobre o reino de Elim e aprenderá que ninguém é o que parece ser.

O livro "Os escolhidos" foi escrito pela autora nacional Luísa Mamprin e eu devo admitir que não esperava gostar muito do livro, achei que fosse ser apenas mais uma fantasia jovem adulto do mercado nacional, sem nenhum diferencial... Mas me surpreendi muito ao ler as páginas desse livro.

É uma fantasia bem escrita, que te faz imaginar as cenas descritas com exatidão e se envolver com os personagens, principalmente com Arrow, que cresce ao longo do livro. Gostei da forma como o mistério é colocado na história, pois te faz querer devorar o livro para saber o que vai acontecer logo.

Tirei uma estrela da nota por achar que algumas cenas importantes aconteceram muito rápido, enquanto outras se desenrolaram em demasia, mas não foi nada que atrapalhasse o que senti ao ler o livro. O final do livro me deixou curiosa para ler o próximo livro da trilogia e adorei o bônus que autora nos deu ao final do livro.

Indico a obra a todos os amantes de uma boa fantasia e leiam sem preconceitos por ser uma obra nacional, tenho certeza que o livro "Os escolhidos" vai te surpreender!

sábado, 27 de janeiro de 2018

[RESENHA] UMA NOITE INESQUECÍVEL - LISA KLEYPAS


(Para ler a resenha do primeiro livro "Segredos de uma noite de verão" da série "As quatro estações do amor" clique AQUIpara ler a resenha do segundo livro "Era uma vez no outono" clique AQUIpara ler a resenha do terceiro livro "Pecados no inverno" clique AQUI e para ler a resenha do quarto livro "Escândalos na Primavera" clique AQUI)


ISBN-13: 9788580417296
ISBN-10: 8580417295
Ano: 2017 / Páginas: 144
Idioma: português
Editora: Arqueiro


"Tenho levado uma vida de pecado excessivo. Resultado: sou assim tão excessivo no amor. Na verdade ainda mais excessivo no amor."


SINOPSE

O Natal está se aproximando e Rafe Bowman acaba de chegar a Londres para uma união arranjada com Natalie Blandford. Com sua beleza estonteante e o físico imponente, ele tem certeza de que a linda aristocrata logo cairá a seus pés. No entanto, seus terríveis modos americanos e sua péssima reputação de farrista deixam Hannah, a prima da moça, chocada. Determinada a proteger Natalie, ela vai tornar a tarefa de cortejar a jovem muito mais difícil do que Rafe esperava. Hannah, porém, logo começa a se importar mais do que gostaria com o rude pretendente da prima. Rafe, por sua vez, passa a apreciar um pouco demais a companhia de Hannah, uma mulher forte e pragmática com um coração doce e gentil. E quando Daisy, Lillian, Annabelle e Evie, quatro amigas inseparáveis que já conseguiram encontrar o homem de seus sonhos, decidem agir como cupidos, quem sabe o que pode acontecer? Uma noite inesquecível é uma viagem mágica pela Londres vitoriana, com os diálogos espirituosos e personagens memoráveis que consagraram Lisa Kleypas como uma das autoras de romances de época mais aclamadas pelo público. Nesta continuação da série As Quatro Estações do Amor, os mais cínicos se tornam românticos e até os mais tímidos suspiram, arrebatados de paixão.



RESENHA


As flores secas conseguiram concluir os seus planos e todas as quatro solteironas estão casadas, apaixonadas e amadas por seus maridos. Mas Rafe Bowman, irmão mais velho de Lillian e Daisy, continua solteiro e é claro que o pai detestável dos americanos quer forçá-lo a se casar com Natalie Blandford e assim trazer mais sangue nobre à sua família tão rica, mas sem prestígio na sociedade londrina.
Hannah Appleton é prima e acompanhante de Natalie e só de ouvir as barbaridades a respeito do americano já não concorda com esse casamento de jeito nenhum, então está decidida em fazer de tudo para provar à sua prima que essa união não dará certo, mas ela não imagina que Rafe tem grandes armas de sedução e todas as suas armas foram apontadas para Hannah.

Logo que li a sinopse desse pequeno conto que sucede todos os acontecimentos dos livros anteriores da série "As quatro estações do amor" já achei que não iria gostar dessa história, pois vi muitas semelhanças ao livro "O visconde que me amava" e esse é o livro que menos gostei da Julia Quinn então já me ressenti com a sinopse desse, mas como eu estava enganada... Simplesmente amei essa obra e Lisa Kleypas encerrou a série da melhor forma!
Hannah é uma moça inteligente e perspicaz, que não sonha com grandes amores, apenas em conseguir um pouco de felicidade, já Rafe é maravilhoso, decidido, indecente e apaixonante, foi impossível não torcer por esse casal, não suspirar a cada página e não me encantar com cada passagem que aparece dos casais anteriores, fazendo com que consigamos matar as saudades desses casais que conquistaram os nossos corações.
Após ler essa finalização Lisa se tornou a minha segunda autora mais amada dos romances de época, estou super ansiosa para ler os livros da próxima série "Os Hathaways" e não consigo parar de suspirar e de indicar a autora o tempo todo!

“Estou falando de amor verdadeiro, do tipo que faz você sentir impetuosidade, alegria e desespero ao mesmo tempo.”

quinta-feira, 25 de janeiro de 2018

[RESENHA] AMOR & GELATO - JENNA EVANS WELCH



ISBN-13: 9788551002346
ISBN-10: 8551002341
Ano: 2017 / Páginas: 320
Idioma: português
Editora: Intrínseca


“Florença é o lugar perfeito para se apaixonar, o que significa que é o pior lugar do mundo para ficar de coração partido.”⠀



SINOPSE


Depois da morte da mãe, Lina fica com a missão de realizar um último pedido: ir até a Itália para conhecer o pai. Do dia para a noite, ela se vê na famosa paisagem da Toscana, morando em uma casa localizada no mesmo terreno de um cemitério memorial de soldados americanos da Segunda Guerra Mundial, com um homem que nunca tinha ouvido falar. Apesar das belezas arquitetônicas, da história da cidade e das comidas maravilhosas, o que Lina mais quer é ir embora correndo dali.

Mas as coisas começam a mudar quando ela recebe um antigo diário da mãe. Nele, a menina embarca em uma misteriosa história de amor, que pode explicar suas próprias origens. No meio desse turbilhão de emoções, Lina ainda conhece Ren e Thomas, dois meninos lindos que vão mexer ainda mais com seu coração.


Uma trajetória que fará Lina descobrir o amor, a si mesma e também aprender a lidar com a perda. Amor & gelato é uma deliciosa viagem pelos mais românticos pontos turísticos italianos, com direito a tudo de mais intenso que o lugar tem a oferecer: desde paixões até corações partidos.



RESENHA


Depois de sofrer a maior dor da sua vida, Lina resolve atender ao último pedido de sua mãe. Mesmo não gostando nada da ideia ela vai à Florença, na Itália, lugar marcou imensamente a vida de Hadley e por isso gostaria que a filha conhecesse.
E assim ela conhece Howard, melhor amigo de sua mãe, e vai morar com ele num cemitério. Isso mesmo, num cemitério. Além disso em Florença ela irá fazer novos amigos, conhecer novos amores e descobrir como seguir em frente ao achar o diário de sua mãe e começar a desvendar coisas que mudarão a sua vida e seu coração.

Peguem o passaporte e embarquem nessa viagem à Florença!
Me apaixonei pela escrita desse livro, como ela é fluída, fofa e instigante, me apaixonei pela evolução de Lina, me apaixonei pelo diário de Hadley e por todos os detalhes descritos sobre essa viagem linda e surpreendente.
"Amor & Gelato" é o típico livro que rouba o meu coração: um young adult leve, com momentos emocionantes, uma personagem que vai amadurecendo e um romance amorzinho.
Após terminar a leitura desse livro só sei que preciso conhecer Florença e outras obras de Jenna Evans Welch.
Como não se apaixonar por uma obra que fala de Amor, Gelato e Itália?

Mais do que recomendado para quem ama um romance jovem adulto de aquecer o coração!

quarta-feira, 24 de janeiro de 2018

[RESENHA] MEU ROMEU - LEISA RAYVEN



ISBN-13: 9788525058621
ISBN-10: 8525058629
Ano: 2015 / Páginas: 407
Idioma: português
Editora: Globo Livros



"O amor é assim. Não pertencer a si mesma. Ser transportada do que você conhece para o que você sente. 
Não é a toa que as pessoas vivem e morrem por esse sentimento."



SINOPSE

Cassie está prestes a realizar o grande sonho: estrelar um espetáculo na Broadway. O que ela não esperava era ter que enfrentar o reencontro com o ex-namorado, que será novamente protagonista ao seu lado, em uma peça cheia de romance e cenas quentes. Trabalhar com Ethan traz o passado à tona, e lembra a Cassie que o que existe entre eles vai muito além de simples química.


RESENHA

Romeu e Julieta. Shakespeare. Uma peça de teatro.
É assim que Cassandra Taylor e Ethan Holt irão se conhecer.
A atração entre os dois é imediata e Cassie sabe que essa ligação é muito maior do que o fato de serem protagonistas nessa peça, então investe com todas as forças nessa relação, mesmo quando Ethan apresenta sérios problemas em se relacionar e acaba saindo dessa com o coração partido.

Três anos depois os dois se reencontram, novamente na arte, novamente como protogonistas, mas dessa vez na Broadway. Como Cassie conseguirá resistir a todo o charme do único homem que já amou e que agora quer fazer de tudo para reconquistá-la?

O livro "Meu Romeu" foi o segundo livro que li da autora Leisa Rayven e mesmo tendo amado muito minha primeira experiência, adorei essa história, mas esperava um pouco mais dela. Foi um livro que me trouxe sentimentos controversos, pois ao mesmo tempo que amava algumas coisas, não conseguia entender outras...

A narrativa do livro é feita no presente e no passado aos olhos da mocinha Cassie, o que nos traz uma certa confusão no início, mas depois vamos compreendendo a obra e o que a autora quis passar aos seus leitores. Eu gostei do enredo, gostei dos personagens e da força dos sentimentos que encontramos ali, mas achei que muitas vezes faltou intensidade ou explicações relevantes aos acontecimentos e separações.

Eu indico o livro aos amantes do gênero New Adult, mesmo que esse não tenha entrado nos meus livros preferidos do gênero. Ele termina nos deixando uma incógnita que irá nos deixar morrendo de vontade de ler o segundo livro "Minha Julieta" que dessa vez será narrado por Ethan Holt.

terça-feira, 23 de janeiro de 2018

[RESENHA] MULHER-MARAVILHA: SEMENTES DA GUERRA - LEIGH BARDUGO



ISBN-13: 9788580417463
ISBN-10: 8580417465
Ano: 2017 / Páginas: 400
Idioma: português
Editora: Arqueiro



"Não existe alegria em ter nascido mortal. Você jamais terá que conhecer a aflição que é ser humana. Dentre todas nós, apenas você jamais conhecerá a dor da morte."



SINOPSE


Antes de se tornar a Mulher-Maravilha, ela era apenas Diana.

Filha da deusa Hipólita, Diana deseja apenas se provar entre suas irmãs guerreiras. Mas quando a oportunidade finalmente chega, ela joga fora sua chance de glória ao quebrar uma lei das amazonas e salvar Alia Keralis, uma simples mortal.

No entanto, Alia está longe de ser uma garota comum. Ela é uma semente da guerra, descendente da infame Helena de Troia, destinada a trazer uma era de derramamento de sangue e miséria. Agora cabe a Diana salvar todos e dar seu primeiro passo como a maior heroína que o mundo já conheceu.




RESENHA


Diana nasceu do barro e das mãos de sua mãe, Hipólita, a rainha das amazonas. Ela não sabe quem realmente é, apenas deseja provar que é tão forte como suas irmãs amazonas.

Ela se põe a prova para mostrar o seu valor, mas ao se deparar com um grande naufrágio só consegue pensar em procurar sobreviventes em meio a tantos destroços e resgata Alia Keralis. Ela sabe que trazer um humano para o lar das Amazonas em Temiscira pode causar o seu exílio, mas terá que lidar com o fato de não ter salvado uma simples garota e sim uma semente da guerra, descendente de Helena de Troia e que traz litros de sangue derrubados em guerras em suas veias.
Diana e Alia precisam acabar com essa linhagem de sementes da guerra, mas não estão preparadas para todas as coisas que essa busca pode trazer ao mundo e em suas vidas.

O livro "Mulher Maravilha: sementes da guerra" foi escrito por Leigh Bardugo uma autora já muito aclamada pela trilogia Grisha e também por Six Of Crows. A capa e a diagramação da editora Arqueiro estão impecáveis, mas muitas coisas me incomodaram nessa leitura.
A obra é narrada em terceira pessoa, alternando os pontos de vista entre Diana e Alia. A autora manteve a inocência de Diana, mas acho que faltou a força e poder da nossa Mulher Maravilha. Ela acabou se tornando coadjuvante em sua própria história.
Esse livro tinha tudo para dar certo, um bom enredo, a ameaça da maior guerra já vista, uma amizade que cresce e muda a forma que as personagens veem o mundo, um cenário que deixaria tantas possibilidades em aberto... Mas para mim faltou muito, deixando a obra maçante no início.
Esse livro é o primeiro da série "Lendas da DC" que contará com a história de Batman escrito pela autora Marie Lu, Mulher Gato escrito por Sarah J. Maas e Superman escrito por Matt De La Peña.
Eu esperava encontrar nesse livro o empoderamento feminino que via no desenho "Liga da Justiça" que passava todos os dias às 11:30 no SBT e que eu assistia quando criança ou a Mulher-Maravilha que vi nos filmes da DC, porém não encontrei e se puder dar uma dica para vocês seria a de ler sem expectativas, pois eu tinha muitas e elas não foram correspondidas, mas talvez vocês possam se surpreender se deixarem elas de lado antes de começar a leitura desta obra.

segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

[RESENHA] ESCÂNDALOS NA PRIMAVERA - LISA KLEYPAS


(Para ler a resenha do primeiro livro "Segredos de uma noite de verão" da série "As quatro estações do amor" clique AQUI, para ler a resenha do segundo livro "Era uma vez no outono" clique AQUI e para ler a resenha do terceiro livro "Pecados no inverno" clique AQUI)


ISBN-13: 9788580416565
ISBN-10: 8580416566
Ano: 2017 / Páginas: 224
Idioma: português 
Editora: Arqueiro



"O amor deveria ser uma emoção vertiginosa que trazia felicidade, como nos versos bobos dos cartões do Dia de São Valentim decorados com penas, pinturas e rendas. Mas seu amor por Daisy não era de modo algum assim. Era um sentimento torturante, febril e desolador. Era um vício que não podia ser vencido. Era puro desejo temerário."



SINOPSE


Daisy Bowman sempre preferiu um bom livro a qualquer baile. Talvez por isso já esteja na terceira temporada de eventos sociais em Londres sem encontrar um marido. Cansado da solteirice da filha, Thomas Bowman lhe dá um ultimato: se não conseguir arranjar logo um pretendente adequado, ela será forçada a se casar com Matthew Swift, seu braçaisy Bowman sempre preferiu um bom livro a qualquer baile. Talvez por isso já esteja na terceira temporada de eventos sociais em Londres sem encontrar um marido. Cansado da solteirice da filha, Thomas Bowman lhe dá um ultimato: se não conseguir arranjar logo um pretendente adequado, ela será forçada a se casar com Matthew Swift, seu braço direito na empresa.

Daisy está horrorizada com a possibilidade de viver para sempre com alguém tão sério e controlador, tão parecido com seu pai. Mas não admitirá a derrota. Com a ajuda de suas amigas, está decidida a se casar com qualquer um, menos o Sr. Swift.

Ela só não contava com o charme inesperado de Matthew nem com a ardente atração que nasce entre os dois. Será que o homem ganancioso de quem se lembrava era apenas fachada e ele na verdade é tão romântico quanto os heróis dos livros que ela lê? Ou, como sua irmã Lillian suspeita, o Sr. Swift é apenas um interesseiro com algum segredo escandaloso muito bem guardado?

Fechando com chave de ouro a série As Quatro Estações do Amor, Escândalos Na Primavera é um presente para os leitores de Lisa Kleypas, que podem ter certeza de uma coisa: embora as estações do ano sempre terminem, a amizade desse quarteto de amigas é eterna.



RESENHA


Daisy Bowman agora é a única flor seca ainda solteira, porém como não consegue despertar o interesse de nenhum britânico seu pai, Thomas Bowman, decide que se ela não arranjar um casamento até o final da temporada londrina irá casá-la com o americano Matthew Swift, seu funcionário e braço direito na empresa.

Daisy e Lilian repudiam veemente essa ideia, afinal, ele é tão inescrupuloso quanto o pai, ela jamais seria feliz ao lado de um homem como ele e por isso precisa arrumar um marido o mais rápido possível. O que as duas americanas não imaginam é que Matthew pode guarda vários segredos e que faria de tudo pela felicidade de Daisy, até mesmo abrir mão da própria felicidade.

Dizer que amei esse livro seria pouco!
Daisy é uma personagem sonhadora, apaixonada, espirituosa e determinada, que sabe o que quer. Já Matthew é um personagem honesto e de coração enorme que foi roubando o meu coração durante a leitura e suspirei pelo romance dos dois, um romance  diferente da maioria dos encontramos em romances de época e que foge totalmente dos padrões do gênero.
Eu adoro romances de época que me surpreendem e mesmo adorando os personagens libertinos, amo os livros que fogem do libertino convertido e trazem personagens apaixonados.
Além de todos esses fatores ainda temos a presença das flores secas constantemente nessa obra e nos deliciamos ao saber mais sobre os detalhes de suas vidas após seus casamentos.
"Escândalos na Primavera" é o quarto livro da série "As quatro estações do amor" e foi o meu livro preferido da série escrita por Lisa Kleypas. Recomendo muito essa série, mas lembre-se que esses livros precisam ser lidos na ordem correta, pois a história dos personagens se complemente a cada leitura. A autora finalizou brilhantemente a história das solteironas e me deixou ainda mais ansiosa para ler suas outras obras.



"— Achei que passaria o resto da minha vida em busca de pequenas lembranças suas em outras mulheres."

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

[RESENHA] AS COISAS QUE FAZEMOS POR AMOR - KRISTIN HANNAH


ISBN-13: 9788580417692
ISBN-10: 8580417694
Ano: 2017 / Páginas: 352
Idioma: português
Editora: Arqueiro


"A vida dá um jeito de seguir em frente, e a gente faz o melhor que pode para acompanhar o fluxo. O coração partido se cura. Como qualquer ferimento, fica uma cicatriz, uma lembrança, porém esmaecida."



SINOPSE

Caçula de três irmãs, Angela DeSaria já tinha traçado sua vida desde pequena: escola, faculdade, casamento, maternidade. Porém, depois de anos tentando engravidar, o relacionamento com o marido não resistiu, soterrado pelo peso dos sonhos não realizados.

Após o divórcio, Angie volta a morar na sua cidade natal e retorna ao seio da família carinhosa e meio doida. Em West End, onde a vida vai e vem ao sabor das marés, ela conhece a garota que mudará a sua vida para sempre.

Lauren Ribido é uma adolescente estudiosa, bem-educada e trabalhadora. Apesar de morar em uma das áreas mais decadentes da cidade com a mãe alcoólatra e negligente, a menina sonha cursar uma boa faculdade e ter um futuro melhor.

Desde o primeiro momento, Angie enxerga em Lauren algo especial e, rapidamente, uma forte conexão se forma: uma mulher que deseja um filho, uma menina que anseia pelo amor materno. Porém, nada poderia preparar as duas para a repercussão do relacionamento delas. Numa reviravolta dramática, Angie e Lauren serão testadas de forma extrema e, juntas, embarcarão em uma jornada tocante em busca do verdadeiro significado de família.



RESENHA

Angie sempre teve o sonho de ser mãe e depois de inúmeras tentativas frustradas a dor de saber que o seu maior desejo não iria ser concretizado arrancou um pedaço de sua alegria. Ela se perdeu e o seu casamento com Conlan construído em cima de tantos sonhos foi se perdendo também.
Após o divórcio ela resolve voltar a pequena cidade de West End e contar com o apoio da família nesse momento difícil, assim como apoia-los nos problemas dos negócios também. Em seu retorno ela conhece Lauren, uma menina de 17 anos repleta de sonhos e garra para conquistá-los, porém com uma mãe negligente e alcoólatra. Lauren precisa desesperadamente de amor materno e essa sua necessidade pode mudar a vida e o coração de Angie para sempre.

Kristin Hannah é conhecida por seus livros que carregam os maiores dos sentimentos em sua escrita, transmitindo ao leitor o que os personagens sentem, fazendo com que os leitores se coloquem no lugar dos personagens, criem empatia, se apaixonem pela história e sofram junto com eles.
Esse livro me fez sentir, me fez perceber, me fez amar...
E, é óbvio, me fez chorar como só Kristin Hannah consegue fazer. Não é um livro triste, mas é um livro de beleza tão grande que é impossível não se emocionar, não se encantar com as histórias, com a força dos personagens, com os relacionamentos e os diversos tipos de amor que estão impressos em suas páginas.
Uma história forte e inesquecível que carregarei para sempre em meu coração!
Mais do que recomendado, como tudo que essa autora escreve!


"Angie queria que o amor dele tivesse sido suficiente. Deveria ter sido. Mas a necessidade dela de ter um filho fora como uma correnteza, uma força avassaladora que os afogara."

sábado, 13 de janeiro de 2018

[RESENHA] A HISTÓRIA DO SÉCULO 20 PARA QUEM TEM PRESSA - NICOLA CHALTON E MEREDITH MacARDLE




ISBN-13: 9788558890526
ISBN-10: 8558890528
Ano: 2017 / Páginas: 200
Idioma: português
Editora: Valentina


"Achavam que o confronto terminaria em poucos e heroicos meses, e que poria um fim a todas as guerras. Na verdade, era o início de um novo tipo de guerra total, que envolveria a mobilização de civis em solo pátrio. Uma guerra que a tecnologia  assumiria uma importância destrutiva sem precedentes, uma guerra que provocaria ainda mais conflitos."




SINOPSE

“A História do Século 20 para Quem Tem Pressa” é um guia acessível para 100 anos de história moderna. Enormes avanços na ciência e na tecnologia — estimulados por exigências do comércio internacional e conflitos armados sem precedentes — resultaram no surgimento de aviões, automóveis e antibióticos que salvam vidas. Desde a queda do Império Britânico até a era nuclear, desde os avanços pioneiros nos direitos civis até a internet, o ritmo e o alcance do progresso e das mudanças foram extraordinários.

Nicola Chalton e Meredith MacArdle relatam os impressionantes eventos de um século diferente de todos, identificando as figuras-chave e os momentos decisivos desse notável período da história.

Em ordem cronológica, informações básicas sobre duas guerras mundiais, a criação das vacinas, a conquista da Lua, o fenômeno da globalização, a revolução digital, o perigo do aquecimento global... e muito mais em linguagem de fácil entendimento e com mapas ilustrativos para o leitor que deseja conhecer melhor o mundo em que vivemos.



RESENHA

O livro "A história do século 20 para quem tem pressa" faz parte da "Coleção história para quem tem pressa" e traz todos os fatos históricos resumidamente que marcaram o século passado. É uma história para quem tem pressa e ele cumpre, fielmente, o seu objetivo.

Os fatos são narrados em uma ordem cronológica, começando com as colonização, as duas grandes guerras mundias e todo o seu poder de destruição, as revoluções sociais, o Apartheid, fim do colonialismo, a guerra fria, crises políticas, avanços tecnológicos e culturais, desigualdades e ditaduras, a internet, o impacto da globalização mundial e sua importância no ano 2000.

Ao ler essa obra nos deparamos com fatos bem escritos de forma sucinta e objetiva, que vão entreter o leitor e despertar o interesse nessa Ciência Social. Claro que, como a própria coleção já diz, é para quem tem pressa e, por isso, não é um estudo aprofundado e repleto de análises, mas sim um guia prático e que amplia o conhecimento dos leitores acerca desse assunto.

A capa e o trabalho de diagramação da editora estão excelentes, a Valentina foi muito caprichosa em sua edição. Mas acredito que o fato do livro ter sido impresso em folhas brancas torna a leitura um pouco cansativa em alguns momentos. Não é nada que de fato prejudique o leitor, porém atrapalha na continuidade da leitura.
Indico a leitura a todos, principalmente aos curiosos sobre o assunto ou os interessados em conhecer melhor o mundo que vivemos e a origem dos problemas que ainda existem em nossa sociedade.

Nota: 4🌟


sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

[RESENHA] LADY WHISTLEDOWN CONTRA-ATACA - JULIA QUINN



ISBN-13: 9788580417678
ISBN-10: 8580417678
Ano: 2017 / Páginas: 352
Idioma: português
Editora: Arqueiro



“Ele a beijou embora nunca fosse ser o bastante. Beijou-a ainda que nunca mais fosse tê-la. 
E beijou-a para corrompe-la para todos os outros homens, para deixar sua marca de modo que, quando o pai finalmente a casasse com outro, ela teria a memória daquele momento, que a assombraria até o dia de sua morte.”
- O primeiro beijo, Julia Quinn.



SINOPSE


Com a participação especial da famosa cronista da sociedade criada por Julia Quinn, Lady Whistledown Contra-Ataca é formado pelas narrativas curtas de quatro escritoras consagradas, tendo como fio condutor o roubo de uma pulseira milionária. Seus contos são como pérolas que se unem e formam uma peça de valor inestimável.

"Quem roubou o bracelete de lady Neeley?
Terá sido o caça-dotes? O apostador? A criada? Ou o libertino? Londres está fervendo com as especulações, mas, se ainda restam muitas dúvidas, pelo menos uma coisa é certa: um desses quatro está envolvido no crime.
Crônicas da sociedade de lady Whistledown, maio de 1816"

Julia Quinn encanta...

Um belo caçador de fortunas foi enfeitiçado pela debutante mais desejada da temporada. Agora ele precisa provar que o que deseja é o coração da jovem, não o dote dela.

Mia Ryan delicia...
Uma criada adorável e espirituosa está deslumbrada com as atenções românticas que tem recebido de um charmoso conde. Mas um relacionamento entre eles seria escandaloso e poderia arruinar a reputação dos dois.

Suzanne Enoch fascina...
Uma jovem inocente que passou a vida evitando escândalos de repente se vê secretamente cortejada pelo maior libertino de Londres.

Karen Hawkins seduz...
Um visconde que vaga sem destino volta para casa para reacender o fogo da paixão de seu casamento, mas descobre que sua linda e decidida esposa não será conquistada tão facilmente.




RESENHA


Lady Whistledown é uma das principais personagens já criadas por Julia Quinn e para fazer com que matassemos as saudades dela, convidou três autoras para escreverem quatro contos que serão conduzidos por nossa cronista da sociedade londrina a cada início de capítulo.
Apesar de serem contos independentes estão interligados pelo desaparecimento de uma pulseira de rubis e é obvio que nossa querida Lady Whistledown além de contar os babados da sociedade também quer revelar em primeira mão em sua coluna quem foi o responsável por esse estranho sumiço.

Logo no primeiro conto fui arrebatada pela escrita de Julia Quinn e por um casal tão apaixonante que fica impossível não torcer por eles. Mas ao ler o segundo conto escrito por Mia Ryan e o terceiro conto escrito por Suzanne Enoch não consegui me conectar com as histórias e com os acontecimentos, empaque na leitura desses dois. Já no quarto conto escrito por Karen Hawkins voltei a me apaixonar pela história e teria amado e favoritado essa leitura se fosse somente os contos de Julia e Karen. Esse último conto traz um romance com premissa original, cheio de arrependimento e perdão, me ensinando a grandeza da confiança e do amor verdadeiro.
Recomendo a leitura desses contos, principalmente dos dois que mais amei, e se vocês não leram a série “Os Bridgertons” fiquem tranquilos que não terão spoilers ao ler essa obra, apenas a audácia e espírito sarcástico da nossa querida Lady Whistledown, nossa eternamente amada cronista.

Nota: 4🌟

[RESENHA] COMO SE CASAR COM UM MARQUÊS - JULIA QUINN



(Conheça a duologia "Agentes da coroa" lendo a resenha do primeiro livro "Como agarrar uma herdeira" clicando AQUI)

"O amor é um presente precioso, e vocês fariam bem se não o jogassem fora por causa de um orgulho tolo."


ISBN-13: 9788580417616
ISBN-10: 8580417619
Ano: 2017 / Páginas: 320
Idioma: português
Editora: Arqueiro



SINOPSE

Elizabeth Hotchkiss precisa se casar com um homem rico, e bem rápido. Com três irmãos mais novos para sustentar, ela sabe que não lhe resta outra alternativa.

Então, quando encontra o livro Como se casar com um marquês na biblioteca de lady Danbury, para quem trabalha como dama de companhia, ela não pensa duas vezes: coloca o exemplar na bolsa e leva para casa.

Incentivada por uma das irmãs, Elizabeth decide encontrar um homem qualquer para praticar as técnicas ensinadas no pequeno manual.

É quando surge James Siddons, marquês de Riverdale e sobrinho de lady Danbury, que o convocou para salvá-la de um chantagista. Para realizar a investigação, ele finge ser outra pessoa. E o primeiro nome na sua lista de suspeitos é justamente... Elizabeth Hotchkiss.

Intrigado pela atraente jovem com o curioso livrinho de regras, James galantemente se oferece para ajudá-la a conseguir um marido, deixando-a praticar as técnicas com ele. Afinal, quanto mais tempo passar na companhia de Elizabeth, mais perto estará de descobrir se ela é culpada.

Mas quando o treinamento se torna perfeito demais, James decide que só há uma regra que vale a pena seguir: que Elizabeth se case com seu marquês.




RESENHA

Elizabeth Hotchkiss é órfa e precisa cuidar de seus irmãos mais novos Lucas, Jane e Susan. Para sustentá-los ela trabalha como acompanhante da viúva Lady Agatha Danbury, mas sabe que na verdade só casar com um homem com muitas posses irá ajudar a sua família a sair da crise financeira que se encontra. E então ela começa a ler um livro achado na biblioteca de Lady D. que promete ensinar como se casar com um marquês.
Lady Danbury está sendo chantageada e pede para que seu sobrinho, ninguém menos que James Sidwell, o marquês de Riverdale que está afastado de suas missões por ter tido a identidade descoberta, para ajudá-la a encontrar o seu ameaçador.
Ele então passa a investigar o caso e vira James Siddons, um homem sem recursos para que ninguém saiba quem realmente é. Obviamente Lizzie é sua primeira e principal suspeita. Já Elizabeth acredita que ele é um homem simples e não pode se casar com ele, pois sua família precisa da ajuda financeira, mas não há nada de errado em praticar um pouco os ensinamentos do livro e treinar para quando achar o seu marquês, não é mesmo?

O livro "Como se casar com um marquês" é o segundo livro da duologia "Agentes da coroa" e foi muito melhor do que o primeiro livro. Aqui temos personagens bem construídos, divertidos e que conquistaram meu coração. Desde Lady Dunbury, uma das melhores personagens que Julia Quinn já criou, a James, Lizzie, seus irmãos e até o gato Malcon, que rouba a cena em diversos momentos.
Julia Quinn é a rainha dos romances de época e nesse livro vemos o motivo de ter ganho esse apelido carinhoso de seus leitores. É impossível não se contagiar com essa história. Indico de olhos fechados.

Nota: 4,5🌟

[RESENHA] COMO AGARRAR UMA HERDEIRA - JULIA QUINN




"– Acha que sou idiota? – perguntou ele, ainda mais irritado.
– Não – retrucou ela. – Acabei de escapar de um covil de idiotas e estou familiarizada com a raça, e o senhor é completamente diferente."


ISBN-13: 9788580417593
ISBN-10: 8580417597
Ano: 2017 / Páginas: 304
Idioma: português
Editora: Arqueiro




SINOPSE


Quando Caroline Trent é sequestrada por engano por Blake Ravenscroft, não faz o menor esforço para se libertar das garras do agente perigosamente sedutor. Afinal, está mesmo querendo escapar do casamento forçado com um homem que só se interessa pela fortuna que ela herdou.
Blake a confundiu com a famosa espiã espanhola Carlotta De Leon, e Caroline não vai se preocupar em esclarecer nada até completar 21 anos, dali a seis semanas, quando passará a controlar a própria herança milionária. Enquanto isso, é muito mais conveniente ficar escondida ao lado desse sequestrador misterioso.
A missão de Blake era levar “Carlotta” à justiça, e não se apaixonar por ela. Depois de anos de intriga e espionagem a serviço da Coroa, o coração dele ficou frio e insensível, mas essa prisioneira se prova uma verdadeira tentação, que o desarma completamente.





RESENHA

Não é fácil ser uma herdeira e Caroline Trent sabe bem disso. Passando de tutor em tutor ela encontrou agora o pior e mais interesseiro de todos, Oliver Prewitt, que fará de tudo para colocar as mãos em sua herança, inclusive pedir a seu filho, Percy, que se aproveite dela para assim conseguir seu tão sonhado casamento.
O que ele não espera é que nossa mocinha acerte um bom tiro nos ombros de seu filho e que ao fugir ela seja sequestrada por engano por ninguém menos que Blake Ravenscroft, achando que na verdade Caroline é Carlotta De Leon. Para se livrar das garras de Oliver, ela continua com esse disfarce, afinal, irá completar 21 anos dali 6 semanas e se verá finalmente livre de seus tutores.
Blake Ravenscroft quer levar Carlotta à prisão, assim como também deseja levar Oliver. O que Blake irá fazer quando descobrir a verdadeira identidade da mulher que sequestrou? E o que fazer com os sentimentos que começam a aparecer? Será que uma pessoa que não acredita no amor, como Blake, poderá se apaixonar um dia?

O livro "Como agarrar uma herdeira" é o primeiro livro da série Agentes da Coroa, uma das primeiras séries que Julia Quinn escreveu e agora publicada no Brasil pela Editora Arqueiro. É impossível deixar de comentar como a editora faz um trabalho impecável em seus romances de época, com capas mais lindas que as gringas e com muito cuidado em suas diagramações, não poderia ser diferente nessa série da Rainha JQ.
Encontramos nesse livro uma premissa totalmente diferente em romances de época, muitas risadas e uma mocinha que irá te fazer rir desde a primeira página do livro. Blake e Caroline protagonizaram o livro mais engraçado que já li da Julia, mas também foi um livro onde o romance não esquentou, se tivesse sido melhor trabalhado o casal não pareceria tão água com açúcar.
Mesmo com esse detalhe é impossível não se encantar com mais uma obra da autora, mesmo não sendo a minha favorita me deixou ansiosa para o próximo livro.

Nota: 4🌟

[DESAFIO] 52 FILMES PARA 2018



Boa noite, gente linda! Tudo bem com vocês?
Hoje eu gostaria de mostrar à vocês o projeto #52filmespara2018 criado pela Dani do @resenhasdealgodao. Tudo começou com uma ideia de projeto pessoal, mas é uma coisa tão linda que muitas pessoas se desafiaram a participar também.






Ele consiste em assistir 52 filmes em 2018, para aumentar o hábito de assistir filmes e assim difundir essa cultura.
Você pode escolher os filmes previamente como nas listas ou ir montando o seu próprio desafio a cada semana. Na minha lista pessoal me desafiei a assistir filmes mais antigos, a sequência de Harry Potter (agora que estou no último livro, preciso ver os filmes!), filmes que já ganharam algum prêmio do Oscar ou outros prêmios importantes no universo cinematográfico e filmes que, possivelmente, estarão na indicação do Oscar 2018.









Pretendo usar a obra interativa “Livro de marcar filmes”, anotando as minhas obras assistidas e também o caderno que separei para me ajudar a me organizar (AMÉM!). É claro que tem muitos outros filmes que eu pretendo assistir, lançamentos incríveis no cinema que não quero perder de jeito nenhum e filmes que irei reassistir (AMO!), porém irei focar nesses 52 filmes escolhidos que me acompanharão durante o ano.
Irei deixar aqui minhas opiniões sobre as obras assistidas toda QUARTA-FEIRA.

Vou deixar aqui a lista com os 52 Filmes para que vocês consigam visualizar melhor.

Na próxima quarta-feira terá resenha completa aqui no blog do filme "Entre irmãs" e estarei sempre atualizando vocês mostrando os filmes que já assisti, como na foto que esta abaixo da lista.




52 FILMES PARA 2018
1. 1922 (2017);
2. Alabama Monroe (2012);
3. Entre irmãs (2017);
4. A vida é bela (1997)
5. Capitão fantástico (2016);
6. O rei do show (2017);
7. Harry Potter e a pedra filosofal (2001);
8. Harry Potter e a câmara secreta (2002);
9. Harry Potter e o prisioneiro de Azkaban (2004);
10. Harry Potter e o cálice de fogo (2005);
11. Harry Potter e a ordem da Fênix (2007);
12. Harry Potter e o enigma do príncipe (2009);
13. Harry Potter e as relíquias da morte – Parte 1 (2010);
14. Harry Potter e as relíquias da morte – Parte 2 (2011);
15. A ilha do medo (2010);
16. Onde está segunda? (2017);
17. Django Livre (2012);
18. O artista (2011);
19. Uma dobra no tempo (2017);
20. O discurso do rei (2010);
21. 12 anos de escravidão (2013);
22. Mãe! (2017);
23. O lobo de Wall Street (2013);
24. A teoria de tudo (2014);
25. De canção em canção (2017);
26. O morro dos ventos uivantes (2011);





27. Passageiros (2017);
28. A chegada (2016);
29. Histórias cruzadas (2011);
30. Roda gigante (2017);
31. A garota dinamarquesa (2016);
32. MudBound – Lágrimas sobre o Mississipi (2017);
33. O jardim secreto (1993);
34. Lady Bird (2017);
35. Ana Karenina (2012);
36. Spotlight (2015);
37. A forma da água (2017);
38. Quem quer ser um milionário (2008);
39. Três anúncios para um crime (2017);
40. Interestelar (2016);
41. O jogo da imitação (2014);
42. Todo dia (2018);
43. Me chame pelo seu nome (2017);
44. Foi apenas um sonho (2008);
45. Marcas do silêncio (1996);
46. Logan Lucky (2017);
47. O grande Gatsby (2013);
48. Stronger (2017);
49. Uma razão para viver (2017);
50. Guerra ao terror (2008);
51. Birdman (2014);
52. Todo o dinheiro do mundo (2017)




Participem desse projeto também!
É só se desafiar e usar a hashtag #52filmespara2018 quando forem falar de seus filmes.